Com nova queda da Selic, bancos anunciam redução de juros em linha de crédito

Com redução de juros, taxa básica caiu de 6,75% para 6,50% ao ano.

Nesta semana, o Comitê de Política Monetária (Copom), que é formado pela diretoria do Banco Central, decidiu novamente cortar os juros básicos da economia brasileira, a Selic. A taxa baixou de 6,75% para 6,50% ao ano e atingiu o menor patamar da história.

Após essa decisão do Copom, os principais bancos do País anunciaram uma redução de juros em linhas de crédito. O Banco do Brasil anunciou uma redução de 0,20 ponto percentual ao mês nos juros de parcelamento do cartão de crédito. O banco decidiu repassar a redução da Selic para os juros cobrados nas linhas de capital de giro, cheques e antecipação de crédito ao lojista, por exemplo.

Os bancos Santander, Itaú Unibanco e Bradesco também seguiram o mesmo movimento e comunicaram que vão reduzir os juros aplicados à pessoa física e jurídica diante da queda na taxa básica de juros.

A diminuição tem acontecido desde que o Banco Central iniciou os cortes na Selic, o que barateia e facilita o acesso ao crédito tanto por pessoas físicas quanto por empresas. Quando a Selic está muito alta, a tendência é que investidores apliquem seus recursos em empréstimos ao governo, já que os títulos públicos passam a ser mais atraentes. Se ocorre o inverso, os investimentos no setor produtivo ficam mais viáveis, o que contribui para o crescimento da economia.

Reportagem, Cintia Moreira via Agência do Rádio

%d blogueiros gostam disto: